Infra de TI: é possível obter economia com qualidade?

Sabe o acesso que você tem a um programa ou aplicativo na sua empresa, e que é crucial ao seu trabalho? Pois bem, esse acesso só é possível porque existe uma infraestrutura de TI por trás. 

Em um mundo como o de hoje, altamente digitalizado, fica claro que a infraestrutura de TI deveria ser uma das prioridades de qualquer empresa, independentemente do porte e do setor. É, aliás, o gerenciamento da infra de TI que desempenha um papel fundamental na redução dos custos de uma organização, possibilitando que a qualidade do serviço seja mantida.

Com uma boa infraestrutura a empresa garante também dados seguros, protege a comunicação entre redes internas e externas, e aumenta a produtividade de seus colaboradores. Portanto, como líder de negócio, ignorar a importância do planejamento e desenvolvimento da infra de TI pode resultar em algo negativo a longo prazo.

Como o assunto é importante para todas as empresas, neste artigo abordarei um pouco sobre a infraestrutura de TI e como você pode fazer para reduzir alguns custos.

Infra de TI e o planejamento da sua empresa

Geralmente, pequenas empresas que não são de base tecnológica investem em hardware básico, como computadores desktop, laptops, um sistema de telefonia simples, um roteador e conexão de internet. 

Também na maioria das vezes a prestação de serviços e a comunicação com funcionários, fornecedores e clientes é realizada por meio de aplicativos em nuvem que permitem o compartilhamento de arquivos, como Dropbox, Evernote, Pipefy e Trello.

No entanto, conforme a empresa cresce alguns pontos começam a aparecer. Como está a segurança dos dados? Estamos protegidos contra ataques cibernéticos? As políticas de backup de arquivos e servidores estão de acordo com a nova realidade de ameaças digitais? Como a empresa lida com vulnerabilidades?

Essas são apenas algumas questões básicas, mas que tratam de temas importantes como segurança, conectividade e produtividade. Garantir que sua infra de TI seja confiável e segura é essencial. 

A fim de obter vantagem competitiva é necessário investimentos inteligentes em hardware, software, serviços de rede e pessoas para gerenciar toda essa estrutura

É nesse ponto que muitas empresas pensam no fluxo de caixa e dão um passo para trás. Mas, como mostrarei a seguir, é possível ter uma boa infra de TI para diferentes bolsos (ou caixas).

Economia com inteligência

Por ser a espinha dorsal de uma empresa, se formos pensar em economizar na infra de TI devemos agir com inteligência. 

Uma das maneiras é por meio de equipamentos de informática seminovos. Sugere-se que em alguns casos seja possível obter uma economia de até 50% no valor de mercado. Claro que para que o investimento valha a pena é primordial combinar o preço com a qualidade. 

Por isso, para montar a infra de TI o indicado é contar com bons fornecedores, mas, principalmente, com profissionais que entendam do assunto e possam fazer também uma boa gestão da TI.

Nessa linha, e também pensando em encomia com qualidade, destaco a terceirização da TI. Por meio dela os recursos humanos da sua empresa ficam focados no core business, enquanto o trabalho de gerenciar uma infra de TI fica com profissionais experientes e especializados na área. Existem duas maneiras de fazer isso:

  • Outsourcing: que seria a terceirização como a conhecemos, na qual um parceiro presta serviços pré-acordados.
  • Bodyshop de TI: que ocorre quando profissionais experientes são alocados na equipe de TI de uma empresa por um tempo também pré-acordado.

Para as duas opções, o diferencial é contar com profissionais capacitados (estejam eles alocados ou não na empresa) para montar e gerenciar a infra de TI de maneira correta (e escolher os equipamentos certos). 

Quer saber mais? Entre em contato com a Scurra. E se este artigo foi útil a você, não deixe de compartilhá-lo com seus colegas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *