Recursos de TI: apoio ao trabalho remoto

O trabalho remoto vem aumentando no século XXI. Esse foi o resultado de uma pesquisa realizada pela International Labour Organization – ILO (Organização Internacional do Trabalho) e pela European Foundation for the Improvement of Living and Working Conditions – Eurofound (Fundação Europeia para a Melhoria das Condições de Vida e de Trabalho). O resultado está divulgado no relatório Working anytime, anywhere: The effects on the world of work (Trabalhar a qualquer hora, em qualquer lugar: Efeitos sobre o mundo do trabalho).

O fruto desse resultado, claro, são as novas tecnologias de informação e comunicação que estão revolucionando a maneira como trabalhamos (e até mesmo a vida que levamos). Graças à conectividade de dispositivos (inclusive, já falamos sobre Internet das Coisas), é possível que profissionais realizem seus trabalhos de praticamente qualquer lugar e a qualquer momento.

De acordo com o relatório, se em décadas anteriores já existiam modelos de trabalho remoto (home office), hoje, com smartphones, tablets e dispositivos similares, esse modelo tornou-se ainda mais difundido, já que os aparelhos permitem, inclusive, a realização do trabalho em movimento.

Contudo, para que o trabalho remoto possa ser bem executado, é necessário contar com o apoio dos recursos de TI.

Recursos de TI como apoio ao trabalho remoto

Políticas mais flexíveis de trabalho que permitem profissionais exercendo suas funções a distância, além de trazerem redução de custos de infraestrutura à empresa, tornam os profissionais mais produtivos e, por consequência, melhoram o fluxo de caixa da empresa. Para que isso seja viável e funcione para os dois lados, é essencial que a organização se preocupe em apoiar o profissional com os recursos necessários para que ele consiga exercer sua atividade remotamente.

A área de TI é protagonista nessa missão, começando por uma solução de VPN fácil de usar e robusta, já que será necessário que a conectividade entre funcionários remotos e empresa seja praticamente instantânea com a infraestrutura de TI da organização. Sobre isso, igualmente fundamental é possibilitar que o trabalho remoto seja executado por meio de uma conexão segura de alta velocidade.

É também importante que a TI monitore constantemente o desempenho tanto da rede, quanto do servidor e dos aplicativos, pois isso possibilitará que potenciais problemas e ameaças sejam previamente identificadas e não interfira no desempenho e na segurança da infraestrutura.

Adicionalmente, será preciso contar com uma solução confiável de MFT (Managed File Transfer ou Transferência Gerenciada de Arquivos), a qual proporcionará à TI mais controle com relação a como, quando e onde os arquivos são compartilhados. Isso é fundamental para empresas que possuem profissionais que trabalham ou precisem trabalhar remotamente.

Como você pode ver, mesmo que os funcionários não estejam in loco, a TI precisa garantir o suporte que eventualmente necessitarão. Para atender a essa demanda, uma dica é a organização investir em uma ferramenta que faça o suporte remoto para uma força de trabalho distribuída.

Trabalho remoto tem a ver com segurança

Seja para o profissional alocado na empresa, ou para quem precise trabalhar remotamente, a TI exerce o importante papel de manter a segurança interna da empresa. Lembre-se que sem um ambiente seguro de TI não tem como pensar em hiperconectividade.

Por isso, assegure-se de que a infraestrutura de TI da sua organização esteja preparada para atender e proteger tanto a empresa em si quanto seus profissionais trabalhando remotamente.

Para encerrar, deixo aqui a sugestão de leitura de um artigo que tem a ver com trabalho remoto e segurança: Sua empresa está preparada para a hiperconectividade?

Gostou deste artigo? Conte para nós o que achou e fique à vontade para compartilhá-lo com seus colegas. Aproveite e acesse nosso Blog Scurra TI para ficar por dentro de nossos artigos e novidades. Além disso, caso queira saber mais sobre o assunto, entre em contato conosco.

Sem comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *